Mia's

Namoro à distância

Há dois anos que tenho vários tipos de relações à distância, mas hoje quero falar essencialmente da minha relação à distância com o Ricardo, o meu namorado.

Nós já tivemos uma relação à distância entre Porto e Barcelona e agora variamos entre Paris-Barcelona ou Paris-Porto, mas maioritariamente é a primeira. Em 3 anos e quase 4 meses de namoro, estivemos 1 ano e meio juntos quase todos os dias, às vezes apenas por 5/10 minutos e o resto do tempo separados. Aliás, o nosso 2º e 3º aniversário foram celebrados através do skype. Sim, podia ser pior, há casais que estão ainda mais distantes e não se vêem com a mesma regularidade que nós (normalmente, uma vez por mês). No entanto, também há melhor. E porque é que temos sempre que pensar que podia ser pior? Não podemos pensar ao contrário? Também podia ser melhor! Nós tentamos sempre que seja melhor. Somos muito jovens, temos muito para viver, uma vida inteira à nossa frente… E porque é que isso tem que ser impedimento de levarmos um relacionamento a sério e querer que seja para sempre? Somos jovens e vivemos mais intensamente as coisas, somos mais impulsivos e qual é o problema? Tentar minimizar o problema, dizendo que passa rápido, que não devemos sofrer tanto porque ainda somos jovens e a vida pode mudar, que vamos conhecer pessoas novas que pode fazer com que o sentimento que temos um pelo outro mude e muito mais conselhos deste tipo que tantas vezes ouvimos não ajudam. O amor é algo muito intenso, que felizmente, eu e o Ricardo sentimos um pelo o outro e que se algum dia o deixarmos de sentir mutuamente, vamos desenrascar-nos sozinhos. Não precisamos que desencorajem o nosso amor.

Quanto à típica pergunta: Como é que vocês conseguem? É difícil, não nego. Há muitas discussões inúteis que se tornam grandes discussões simplesmente por estarmos mais sensíveis e por não nos termos um ao outro naquele momento tão necessário. Mas que posso dizer? Não te posso dizer mais que as frases clichê que são tão verdade. O amor verdadeiro tudo vence e se tu queres mesmo que resulte e fazes por isso consegues. É um trabalho mútuo, no qual têm que estar os dois em sintonia. Por vezes, um tem que ser mais forte que o outro para que o desânimo e o desespero não vençam. A paciência e a esperança, muitas vezes, são os nossos maiores aliados. Basicamente, com AMOR tudo se consegue.

Se tens uma relação à distância como eu, não desistas facilmente, luta se achas que vale a pena. Se o teu caso é uma futura relação à distância por motivo de Erasmus, trabalho, etc não termines tudo antes de ir. Tenta antes de acabar, por favor. Boa sorte para todos os casais na mesma situação que eu e muita força! O Ricardo costuma citar esta frase de Fernando Pessoa muitas vezes e acho que devo escrevê-la: Tudo vale a pena quando a alma não é pequena!

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s